A chula, o prato e a benzeção de Dona Miúda

Vento virado, quebrante, espinhela caída, zipa, mau olhado, cobreiro, mordidura de cobra, de aranha e de lacraia. Isso tudo se cura na benzeção. Carne quebrada, nervo rendido e osso torto é na costura. A costura também é benzeção, mas se faz com agulha. E não é qualquer uma que funciona. “Carne quebrada é assim: a... Continuar Lendo →

O ouro do sertão mineiro e a família da Íris

O primeiro destino da minha jornada foi Virgem da Lapa, cidade de 14 mil habitantes no sertão mineiro. É a terra de Íris, mulher de luta, que trabalhou como doméstica por 22 anos em minha casa, em São Paulo. Com um problema crônico no joelho direito ela se aposentou e voltou pra terra dela, onde... Continuar Lendo →

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑