Alagados e desbarrancados: a força beradeira no Madeira

Em fevereiro de 2014, a água começou a subir acima do normal e já cobria o chão de algumas casas construídas sobre palafitas. Na certeza de que não passaria daquilo, os moradores da Vila de Nazaré começaram a construir jiraus, estruturas de madeira elevadas, dentro de casa para caminhar por cima das águas e pra... Continuar Lendo →

Anúncios

A praga do diamante roubado e as verdades incontestáveis de Seu Hélio

  O enredo é de cinema: uma praga desencadeada pelo roubo de um diamante do tamanho de um ovo, no interior de Minas Gerais, foi o motivo da derrocada de um empreendimento grandioso e lucrativo, encrustado numa paisagem distante, selvagem e paradisíaca. A vítima do roubo foi Antonio Luis Belaguarda; apelido, Antonio Cafundó. O nome... Continuar Lendo →

A chula, o prato e a benzeção de Dona Miúda

Vento virado, quebrante, espinhela caída, zipa, mau olhado, cobreiro, mordidura de cobra, de aranha e de lacraia. Isso tudo se cura na benzeção. Carne quebrada, nervo rendido e osso torto é na costura. A costura também é benzeção, mas se faz com agulha. E não é qualquer uma que funciona. “Carne quebrada é assim: a... Continuar Lendo →

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑